sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Saiba + Atualidades: Porto Sul

Moradores da localidade de Ponta da Tulha fazem
manifestação defendendo a construção do Porto Sul
O Porto Sul será o ponto final da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (FIOL), obra do Governo Federal que ligará a cidade de Figueirópolis, no Tocantins, a Ilhéus, na Bahia. Incluída entre as prioridades do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), a FIOL terá 1.527 km de extensão, investimento estimado em R$ 7,43 bilhões, e passará por 32 municípios baianos. O Porto Sul será construído no litoral norte de Ilhéus, entre as localidades de Aritaguá e Sambaituba. O sítio de Aritaguá está localizado próximo à margem esquerda do Rio Almada, a oeste da BA-001 (Rodovia Ilhéus/Itacaré), com a localidade da Ponta da Tulha ao norte e o Porto do Malhado ao sul.

Ativista contra a construção do Porto Sul
O Porto Público (constituído por terminais para armazenamento e movimentação de cargas diversas, edificações administrativas e operacionais) está previsto para operar com uma capacidade nominal de exportação de 75 milhões de toneladas por ano e de importação de 5 milhões de toneladas. Incluída nesta capacidade está a previsão de movimentação de produtos como minério de ferro, clínquer, soja, etanol e fertilizantes, além de outros granéis sólidos. Porém, muitas duvidas e preocupações ainda surgem sobre a construção do porto. Uma das maiores preocupações, atualmente analisada por todos, é a questão ambiental, que deve - em todas as obras em construção ou planejamento - ser levada a sério.

Um dos grandes pontos levantados nessa discussão ambiente/desenvolvimento, é: a construção do Porto Sul afetará a pesca na região? Bom, segundo o Relatório de Impactos Ambientais do Porto Sul, não. Não irá afetar e ainda declaram que um programa de monitoramento será realizado para que possam criar projetos mara o melhoramento da atividade pesqueira. Outra preocupação é a possibilidade de colisões de navios com mamíferos marinhos, muito frequentes na área, além de alterações na movimentação de leitos de rios e de sedimentos costeiros - o que pode alterar a configuração das praias e manguezais da região.

Mas não podemos negar os benefícios que o Porto Sul trará para a região, como: a geração de empregos que, segundo o projeto, utilizará mão de obra local; crescimento e desenvolvimento da região também virão com a construção do porto.

Confira o vídeo feito pelo Governo do Estado da Bahia:


Responda a enquete ao lado: Você é a favor da construção do Porto Sul em Ilhéus?

Referência de pesquisa:

0 comentários:

Postar um comentário

Todos os comentários necessitam de aprovação!

- Sugestões, críticas e/ou elogios escreva para: geografandoemfoco@gmail.com
- Siga no Twitter: @GeoemFOCO ou @Italocvs